Leia ao som de Don’t Let Nothing Get In The Way

Anos se passaram e eu ainda não esqueci de como é o gosto dos seus lábios. Podiam se passar décadas que tenho absoluta certeza de que não esqueceria. Talvez por você ter sido meu primeiro grande amor. Talvez por você continuar sendo o mistério mais delicioso que a minha vida ainda não foi capaz de desvendar. Sabe, faz tempo que eu corro atrás do tempo e quanto mais eu corro, mais fico atrás. E o que me satisfaz? Estar perto de você. Um pouquinho é bastante, já basta pelo momento. Mas logo eu vou querer mais…

Vamos sair pra conversar? Vamos sair na calada da noite, de novo, escondidos de todos. Eu pego meu carro, te pego aí e a gente aproveita pra matar essa saudade que vem nos matando. Checar suas redes sociais duas ou três vezes por semana foi extenuante, cansativo demais, um processo doloroso e cruel. Só que agora você parece mais perto e eu quero é checar você, frente a frente, cara a cara, olho no olho. Eu quero te curtir e não compartilhar. Não quero nem comentar, deixa isso silenciado. Te quero só pra mim num segredo que vai ser guardado apenas entre nós dois.

Seu perfume ainda me embriaga, seus olhos ainda me hipnotizam, suas mãos ainda me atraem como um imã. O simples fato de pensar em te ver me acelera o coração e faz o sangue ferver nas minhas veias. Eu suo frio e chego a tremer. E isso é mais do que o suficiente pra eu querer pagar o preço de cometer a loucura de ir atrás de você novamente. Estou viciado na adrenalina que você me traz.

Talvez não seja nem certo a gente continuar alimentando e dando vida pra uma coisa que no passado não foi tão bem como era esperado. Mas quer saber? Eu tô pela loucura! Eu tô por ti e por me sentir vivo. E nada me traz mais este sentimento que o fato de pensar em, vez que outra, te trazer pra perto de mim. Vem, e vem sem medo. Vem sem se preocupar com o que é certo e o que é errado. Se for pra se arrepender depois, que seja. Eu só não quero é segurar esta vontade que me traz tanta eletricidade e pulsa dentro do meu peito.
Se é correto, nem me preocupo tanto. Se faz meu coração disparar, eu quero fazer. Futuro e passado são coisas que me interessam pouco. É o presente que me faz abraçar a vida e todas as possibilidades dela.

Acho que vou te amar pra sempre. Pois mesmo depois de tantas dificuldades e tristezas que nossa história reservou, ainda continuo levando comigo apenas o melhor de nós.

Volta pra minha vida?

Paulinho Rahs

Anúncios