Busca

Paulinho Rahs

@PaulinhoRahs.Escritor

Tag

coração partido

Eu quero te ver feliz

Eu quero te ver feliz.

Mesmo que não tenha dado certo.
Mesmo que você tenha outra pessoa por perto
e eu precise ficar longe.

Eu quero te ver feliz.

Continuar lendo “Eu quero te ver feliz”

O que eu faço com o meu coração?

Eu ainda quero te amar.
Eu tô tentando te esquecer.
Eu tô disposto a perdoar.
Eu já não quero mais saber.
Pelos meus erros, eu peço desculpa.
Eu também peço, mas quero ir em frente.
Eu só consigo ser feliz se for igual.
Eu não consigo se não for diferente.

Continuar lendo “O que eu faço com o meu coração?”

Pra você que perdeu um grande amor

Este texto é pra você que, assim como eu, perdeu um grande amor.

O chão desabou. O mundo virou de ponta-cabeça. Não existe explicação ou remédio que atenue o vazio. Se eu te disser:

– Calma, você não tá sozinho. Tem mais gente passando por isso. – sei que de nada vai adiantar.

Então, não estou aqui pra tentar mascarar a tua dor e te dizer que logo vai passar, por que isso seria mentira. Acho que o melhor que eu posso fazer é te contar a minha história. Tenho certeza que você vai se enxergar nela e entender as coisas que tô querendo te dizer.

Continuar lendo “Pra você que perdeu um grande amor”

Vai ficar muito mais fácil se você não aparecer

Eu não quero mais te ver.

Sério, cansei. Tô querendo voltar a viver.
Só que você poderia me fazer um último favor
ao menos em nome do amor que você um dia sentiu?

Continuar lendo “Vai ficar muito mais fácil se você não aparecer”

Ter o coração partido me fez bem

Eu já fui quebrado ao meio centenas de vezes. Por amores, por amigos, por derrotas, por frustrações. Eu já perdi tanto que achei que nunca ia ganhar de novo. Mas o que fez eu me recuperar e dar a volta por cima foi uma única coisa: eu nunca deixei de acreditar. Continuar lendo “Ter o coração partido me fez bem”

Resolvi te deixar partir

Leia ao som de Autumn Love – Death Cab For Cutie

Resolvi te deixar partir
depois de muito resistir.
Depois de anos amarrado,
atado a uma corrente,
com medo de olhar pra frente
e aceitar que não tem mais volta. Continuar lendo “Resolvi te deixar partir”

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑