Este relato é simples e muito breve
vem do fundo do peito deste que vos escreve
eu já vivi de tudo, do bom e do ruim
do veloz e do sem fim
momentos que me levaram
a sentir até demais, de chegar a perder a paz
e ficar muito confuso

Eu entrei em parafuso
pânico, desespero
vi tudo passar ligeiro
bem em frente ao meu olhar
e sempre que eu quis voltar
a vida só foi pra frente

Isso me tornou diferente
me fez mais forte e resoluto
hoje eu até escuto muito mais do que falo
por pouco eu já não me abalo
ando bastante tranquilo
já não faz o meu estilo brigar por qualquer migalha

Também não espero medalha
ou bajulação por conquista
deixei de ser egoísta e fiquei menos orgulhoso
ser um cara preguiçoso já é parte do passado
e não tenho mais tentado agradar a todo mundo

As vezes chegar em segundo
faz parte, eu aprendi
feliz é aquele que sorri
mesmo de frente com a derrota
feliz mesmo é o idiota
que gosta de ser assim
meio bobo, meio ruim
em meia dúzia de assunto
Mas que sempre fica junto das pessoas que mais ama

Eu só fui sair da lama
quando aprendi esta verdade
nada é pior que a saudade
das pessoas de nossa estima
e eu completo essa rima
com a frase que lhe descreve
foi ficando mais perto dos que amo
como a minha alma ficou leve

Paulinho Rahs