Tem sido difícil enxergar o outro lado
desse caminho que eu tô atravessando.
Eu juro que tô tentando,
mas tem dias em que me sinto cansado,
parece que faço tudo errado.

Eu sei, já liguei a minha antena:
não é fácil mesmo e não adianta fazer cena.
Sem chororô ou mi-mi-mi,
só depende de mim conseguir
e de buscar uma vida realizada e plena.

Sei que demora pra se ver resultado
e é só por isso que eu sigo caminhando.
Sei que estou no comando
de um rumo onde o fardo é pesado
e que até o fim precisa ser carregado.

A minha alma nem sempre é serena,
mas minha vontade não é nada pequena.
Por isso eu sigo aqui:
na luta pra descobrir
um futuro onde tudo vai ter valido a pena.


Paulinho Rahs