O melhor tipo de relação – a verdadeira conexão –
é aquela em que ambos
podem falar coisas idiotas,
que do nada o assunto brota.
Dizer coisas aleatórias,
e mesmo assim nunca se cansar
de ouvir as mesmas histórias.

Lembrou de alguém?
Aproveita e agradece, pois eu sei que você sabe lá no fundo
que ter uma pessoa assim não é
privilégio pra todo mundo.

Paulinho Rahs