Eu e aquela pessoa?
Nem amigos.
Mas também não inimigos.
Já não somos crianças.
Somos apenas estranhos com algumas lembranças.

Paulinho Rahs