Algo está faltando, mas eu não sei o que é. Tenho certeza que uma peça do quebra-cabeça se perdeu por aí enquanto eu desenhava os meus sonhos de ser o melhor que eu podia.

Veja: eu sei das minhas capacidades. Sei que posso ir adiante, ir além, ser mais do que eu sempre fui. Eu durmo e sonho com o futuro. Eu acordo e continuo sonhando acordado. Eu tenho acreditado muito em construir uma realidade que me leve mais longe do que eu jamais tenha ido.

Todos os dias dar um passo? Ok, eu tenho feito.
Não ter pressa e não encarar como uma corrida? Sim, isso eu entendi.
Estar disposto a aprender coisas novas? Certo, também captei.

Eu quero mostrar ao mundo o meu potencial completo. Quero provar que eu consigo, quero ser admirado e amado. Mas algo está faltando.

Eis que me deu um estalo: quem sabe o que esteja faltando é simplesmente pôr os meus pés no chão.

Paulinho Rahs