Eu não sou mais quem eu era
e também não tenho mais interesse
em quem eu costumava ser.

Não que amadurecer
tenha sido uma escolha.
Mas é que quando a gente sai da bolha
e enxerga tudo diferente,
a gente só vai pra frente.
Crescer é a única direção.

Continuar lendo “Não sou mais quem eu era”